EN
 
       
   
 
       
         
 

 

 

 
relaÇÕes e autoconhecimento
Felicidade
Thomas d'Ansembourg
 

Ser feliz não é necessariamente estar alegre, é estar plenamente presente naquilo em que vivemos.

 

"Tendemos a passar pelas nossas alegrias como prendas que deixamos embaladas, em vez de as desembrulharmos com gulodice e regozijo, e em vez de sermos, também nós, embalados por elas! (…) Esquecemo-nos de olhar com a devida admiração e com o devido reconhecimento para tudo o que existe, para tudo o que está bem, que corre bem, que é bem resolvido. Contentamo-nos muitas vezes em apontar o dedo ao que falta, ao que emperra, ao que faz mal, ao que fracassa. Ao fazermos isto, alimentamo-nos de más notícias e desvitalizamo-nos (…) Mas, para além disso, tornamo-nos mórbidos, agressivos e cínicos, o que me parece trágico."

Todos pensamos que só seremos felizes quando tivermos a vida com que sempre sonhámos: a família, a casa, o carro, a profissão. Em prol deles, aceitamos entrar num ritmo de vida alucinante que nos impede, muitas vezes, de apreciarmos os verdadeiros momentos de alegria que surgem no dia-a-dia. Quando damos por nós, estamos sufocados, tristes, isolados, parecemos "hamsters a correr na roda", atrás de uma felicidade que teima em não chegar!

Thomas d’Ansembourg identificou estas armadilhas anti-felicidade em que tropeçamos, analisou como se manifestam e como afectam negativamente os nossos hábitos e formas de pensar. Recorrendo a exemplos de casos reais, o autor ajuda-nos a tomar consciência destas armadilhas e a desmontá-las progressivamente. Não é confortável realizar este trabalho sobre nós próprios mas vale bem a pena!

3.ª Edição
Título: Felicidade
Autor: Thomas d'Ansembourg
ISBN: 978-972-860-5957
Formato: 16X23 Cm | Nº de Páginas: 240 | Capa mole
Preço:17,00 15,30€

           
Ver            
 
         
     
         
topo