EN
 
       
   
 
       
         
 

 

 
história de portugal
Memória das Invasões Francesas em Portugal
Tereza caillaux de almeida
 

Uma perspectiva inovadora no bicentenário da Guerra Peninsular

 

O que resta das campanhas napoleónicas em Portugal? Nada, a considerar que essa época longínqua está perfeitamente afastada das preocupações actuais. Batalhas, mortes, uma ocupação militar com todas as misérias subsequentes... foi o caso, igualmente em Espanha, na Áustria, na Itália, na Alemanha... por onde Napoleão conduziu o seu exército.
Então, por que razão, cada dia, aparece um novo livro sobre Ele, a sua obra, os seus sequazes? Por que será considerado, em todo o mundo, como um dos maiores chefes de guerra de todos os tempos e um dos homens que mais contribuiu para a modernidade? Pois, observando melhor – diferença primordial em relação aos conflitos actuais – essas guerras não levaram aos países conquistados só a guerra; introduziram os valores da Revolução Francesa, ansiados por elites locais admiradoras do século das Luzes, ideais que resumimos nas divisas do nosso país: liberdade, igualdade, fraternidade.
Em Portugal, a derrota militar francesa precedeu uma guerra civil que opôs os construtores de um novo mundo aos detentores de um mundo antigo, marcando assim o ponto de partida do Portugal moderno. As guerras napoleónicas constituem uma viragem na história de todos os países europeus.
A história não se limita a um paradoxo – e é isso que a torna apaixonante – foi pela guerra que esses novos valores, para tempos de paz, foram semeados na Europa inteira. Foi nessas guerras que germinaram e foi na paz recuperada, a partir de meados do século XIX, que os frutos nasceram e não cessaram de se desenvolver até hoje.

Abstenhamo-nos de deslocar os antigos conflitos do seu contexto, de os julgar com os conceitos políticos e morais contemporâneos. Tal seria perverter as fontes da memória.

Bravo a Tereza Caillaux de Almeida por trabalhar sobre os vestígios que esses caprichos da história deixaram na memória, em Portugal.

Mensagem do Príncipe Charles Napoléon
Paris, 12 de Março de 2010


 
Título: Memória das Invasões Francesas em Portugal
Autor: Tereza Caillaux de Almeida
ISBN: 972-978-8092-70-0
Formato: 17X24 Cm | Nº de Páginas: 544 | Capa mole
Preço:22,00 € 19,80 €

   

   

 

         
 
         
     
         
topo mailing